10 de jan de 2017
Por Nathália Bastos

Indicando Livros / Top 5 Livros para Começar o Ano

Hello! Para começar bem o ano, que tal tal te indicar alguns livros das variadas ficção bem leve?

Bom, ultimamente eu tenho lido muitos livros de ficção, com exceção dos livros da faculdade, e tenho um carinho muito grande por todos. Para a escolha do tema, eu pensei: quem é que não gosta de uma história inventada? Ver a liberdade artística do autor? Divertir-se, apaixonar-se pelos personagens e viver no mundo que quiser... 

Muitos mundos contidos nesses livros estão esperando para serem descobertos para poderem lhe mostrar várias coisas. Espero que gostem das indicações, fiz uma mistura bem legal, haha.



   Título: A Marca de Uma Lágrima:
   Autor: Pedro Bandeira
     Editora: Moderna
     Gênero: Ficção/Romance
   Páginas: 176
Sinopse: Isabel se acha feia. Será mesmo? Ou somente ela acha isso? Escreve cartas e versos para ajudar o namoro de Rosana, sua melhor amiga, com Cristiano, seu grande amor. Por causa da beleza e da verdade de suas cartas, Cristiano mais se apaixona por Rosana e mais aumenta a desesperança de Isabel. Sua situação agrava-se ainda mais com a morte da diretora da escola, pois a jovem é testemunha de que aquele aparente suicídio seria na verdade um bárbaro assassinato.

         Este daqui eu li na infância e guardo no coração até hoje! Abrange todas aquelas nossas neuras da infância/adolescência. Perguntas como: “sou bonita (o) o suficiente?” “Ele (a) me acha atraente?” rondam a personagem Isabel. Vale à pena conhecer essa ficção romântica com toques de suspense!!


   Título:  Ahmnat – Os amores da Morte:
   Autor: Julien de Lucca
     Editora: Gutenberg
     Gênero: Romance/Fantasia
   Páginas: 368
Sinopse: O que pode acontecer quando Morte e Destino brincam com o sentimento mais perigoso? Ahmnat é uma garota egípcia que, após uma vida cheia de turbulências, tristezas e mágoas, assume o cargo de Morte e passa a viver entre este mundo e o além-vida. Porém ela não está sozinha. Logo conhece Destino, responsável por escrever as vidas mortais, que fica surpreso e abismado ao vê-la no lugar de poderosa entidade. Destino propõe, então, um sádico jogo a Ahmnat: criará dez vidas mortais, humanos bem especiais, para tentar fazê-la se apaixonar por eles. Se Ahmnat se apaixonar por qualquer um, ela volta para a Terra como mortal novamente, dando a oportunidade de Destino reescrever sua vida. Caso contrário, será Destino quem se tornará mortal, permitindo que Morte venha buscá-lo pessoalmente.

         Um livro incrível, nele você encontrará mitologia egípcia, personagens (os mortais que Destino criou) que realmente existiram, ou seja, uma verdadeira aula de história! Mas se você não gosta de história... calma, não é um livro chato, hahaha. O cenário e todas as descrições são escritos com perfeição. Simplesmente maravilhoso! E tem continuação, viu?


   Título: Amigas Para Sempre:
   Autor: Kristin Hannah
     Editora: Arqueiro
     Gênero: Romance/Ficção
   Páginas: 446
Sinopse: Tully Hart tinha 14 anos, era linda, alegre, popular e invejada por todos. O que ninguém poderia imaginar era o sofrimento que ela vivia dentro de casa: nunca conhecera o pai, e a mãe, viciada em drogas costumava desaparecer por longos períodos, deixando a menina aos cuidados da avó. Mas a vida de Tully se transformou quando ela se mudou para a alameda dos Vaga-lumes e conheceu a garota mais legal do mundo. Kate Mularkey era inteligente, compreensiva e tão amorosa que logo fez Tully sentir-se parte de sua família. Ao longo de mais de trinta anos de amizade, uma se tornou o porto seguro da outra. Tully ajudou Kate a descobrir a própria beleza e a encorajou a enfrentar seus medos. Kate, por sua vez, a ensinou a enxergar além das aparências e a fez entender que certos riscos não valem a pena. As duas juraram que seriam amigas para sempre. Essa promessa resistiu ao frenesi dos anos 1970, às reviravoltas políticas das décadas de 1980 e 1990 e às promessas do novo milênio. Até que algo acontece para abalar a confiança entre elas. Será possível perdoar uma traição de sua melhor amiga? Neste livro, Kristin Hannah nos conta uma linda história sobre duas pessoas que sabem tudo a respeito uma da outra – e que por isso mesmo podem tanto ferir quanto salvar.

         Este daqui eu chorava enquanto lia, rs. Uma ficção romântica e dramática que te faz perceber o real significado da palavra “amizade”, nos mostra os diversos caminhos e escolhas que podemos tomar na nossa vida e todas as consequências que podemos enfrentar. Um amor, sem mais! P.S.: também tem continuação.


      Título: O Duque e Eu (Os Bridgertons - 1):
   Autor: Julia Quinn
     Editora: Arqueiro
     Gênero: Romance/Ficção
   Páginas: 288
Sinopse: Simon Basset, o irresistível duque de Hastings, acaba de retornar a Londres depois de seis anos viajando pelo mundo. Rico, bonito e solteiro, ele é um prato cheio para as mães da alta sociedade, que só pensam em arrumar um bom partido para suas filhas. Simon, porém, tem o firme propósito de nunca se casar. Assim, para se livrar das garras dessas mulheres, precisa de um plano infalível. É quando entra em cena Daphne Bridgerton, a irmã mais nova de seu melhor amigo. Apesar de espirituosa e dona de uma personalidade marcante, todos os homens que se interessam por ela são velhos demais, pouco inteligentes ou destituídos de qualquer tipo de charme. E os que têm potencial para ser bons maridos só a veem como uma boa amiga. A ideia de Simon é fingir que a corteja. Dessa forma, de uma tacada só, ele conseguirá afastar as jovens obcecadas por um marido e atrairá vários pretendentes para Daphne. Afinal, se um duque está interessado nela, a jovem deve ter mais atrativos do que aparenta. Mas, à medida que a farsa dos dois se desenrola, o sorriso malicioso e os olhos cheios de desejo de Simon tornam cada vez mais difícil para Daphne lembrar que tudo não passa de fingimento. Agora ela precisa fazer o impossível para não se apaixonar por esse conquistador inveterado que tem aversão a tudo o que ela mais quer na vida.

         Neste primeiro livro de uma série tem uma das minhas personagens preferidas de todos os tempos: Daphne Bridgerton, uma mulher encantadora, sonhadora e realista ao mesmo tempo. Essa ficção romântica, comparada por alguns com as histórias de Jane Austen, é contada numa história de época, com direito à família bagunceira, irmãos intrometidos e amores considerados impossíveis... vale a pena conferir este!


   Título:  Veronika Decide Morrer:
   Autor: Paulo Coelho 
     Editora: Sextante
     Gênero: Ficção/Drama
   Páginas: 208
Sinopse: Aos 24 anos, a eslovena Veronika parece ter tudo: juventude e beleza, pretendentes, uma família amorosa e um emprego gratificante. Mas num dia frio de novembro, ela toma um punhado de remédios para dormir com a intenção de nunca mais acordar.
Só que ela acorda – e no Sanatório de Villete, o lugar de onde ninguém jamais havia fugido. Logo fica sabendo que só teria alguns dias de vida, e isso lhe desperta emoções até então desconhecidas.
Inspirado em experiências próprias, Paulo Coelho escreveu Veronika decide morrer para questionar o significado da loucura e celebrar os indivíduos que não se encaixam nos padrões do que a sociedade considera “normal”.
Ousado e esclarecedor, este romance de redenção faz um retrato tocante daqueles que estão na fronteira entre vida e morte, sanidade e loucura, felicidade e desespero, transmitindo a mensagem poética de que cada dia é um verdadeiro milagre.

         E, para finalizar, uma ficção psicológica, com esse mundo incrível criado por Paulo Coelho abordando aquelas perguntas que todos já se perguntaram: “qual é o verdadeiro significado da vida? O que estamos fazendo aqui?”. Abordando todos aqueles tabus sobre o suicídio, sobre a esquizofrenia e a linha tênue que tem entre a sanidade e a loucura. Só digo uma coisa para vocês: o final é simplesmente surpreendente! “Cada ser humano é único, com suas próprias qualidades, instintos, formas de prazer, busca de aventura. Mas a sociedade termina impondo uma maneira coletiva de agir – e as pessoas não param para se perguntar por que precisam se comportar assim.”

Espero que tenham gostado das indicações, beijinhos! *-*

Post feito pela Lizi Reis.


Post válido para Top Comentarista de Janeiro 

Comentários via Facebook

14 comentários:

  1. Oi Lizi,gostei de suas indicações de livros.
    Eu já li há muito tempo atrás o livro A Marca de uma Lágrima.
    E gostei!

    Assim como também achei bem interessante a história do livro Ahmnat.Nunca havia lido nada sobre o livro e fiquei curiosa!
    E como gosto dos livros de Paulo Coelho,fiquei com vontade de ler Veronika Decide Morrer.:)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou 😍
      A marca de uma lágrima realmente marca a adolescência!
      Leia Ahmnat, garanto que não irá se arrepender.
      E Paulo Coelho... Ah, é Paulo Coelho ❤ haha

      Excluir
  2. Oi Lizi...
    Adorei as indicações.... Já li "A Marca de uma lágrima" quando era adolescente... Lembro de detalhes desse livro e tenho muita vontade de reler. Títulos anotados para ler estes outros livros em algum momento...
    Beijinhos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cris. Eu também pretendo reler, mas minha irmã perdeu meu livro :( haha. Leia os outros que não irá se arrepender ❤

      Excluir
  3. Olá Lizi!!
    Realmente são mto boas suas indicações...Anotei todas!!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey, Aline. Que bom que gostou 😍 beijão

      Excluir
  4. Oi Lizi.
    Adorei as suas idéias dica coesão. Eu AMEI A marca de uma lágrima. Eu li quando estava na escola e é um dos meus xodós.
    Já Li O duque e eu e não curti tanto. Acho que estava esperando muito e a escrita da autora não fluiu tão bem pra mim.
    Fiquei interessada em ler Ahmnat e amigas para sempre!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então você compartilha do mesmo amor por A marca de uma lágrima *-*
      O duque e eu gostei por conta do amor quase impossível.
      E Ahmant e Amigas para sempre: AMEI. Lê e me diz o que achou, beijosss!

      Excluir
  5. Adorei as indicações. Eu já to cheio de livros pra esse ano.. mas todo leitor faz isso de acumular não é mesmo? Fora esses, ainda gosto de ler alguns do Wattpad. Ai atrasa kkk
    Farolcultural.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, qual leitor não faz isso? hahaha. Adiciona esses aí que um dia lê, rs

      Excluir
  6. Oi, Lizi!!
    Adorei as suas indicações. Destes já li A Marca de uma Lágrima e O Duque e eu. Amei essas duas leituras!!
    Beijoss

    ResponderExcluir
  7. O grito que eu dei quando vi os amores dá.morte nas indicações, eu não posso acreditar que esse livro que eu sempre almejei ler.caiu no esquecimento com o tempo. Eu abro que notei essa capa por quase um ano !!! Jesus vou agora correndo atrás dele porque eu vou ler esse livro ano sim !! Obrigada por ter me lembrado dele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. MUUUUITO BOM! Não irá se arrepender *-* correeeee

      Excluir

Veja os antigos!

© Biblioteca Lecture • Desenvolvimento com por