20 de jun de 2018
Por Nathália Bastos

Primeiras Impressões/ Sou Seu - Gabriel Cordeiro

Título: Sou Seu
Autor: Gabriel Cordeiro
Gênero: Romance/Suspense/Mistério
Editora: Skull
Avaliação: 3,5/5
Sinopse: Amélia Martinez se mudou com a mãe e o irmão caçula para São Paulo a fim de começarem uma nova vida. Com dias calmos e uma rotina que ainda se adaptava à mudanças, a garota, por consequências de uma inesperada briga, encontra-se em decadência junto a um confuso sentimento misto de amor e medo. Nathaniel Barbieri foi o causador do desespero e medo sucedido por uma alegria em Amélia. Quando — naquele momento — ele é tudo o que ela tem, o sofisticado e influente homem de olhos esmeraldas e cabelo fogo se vê entre aceitação e negação de um amor que não deveria existir. Quando você é um perigo para a pessoa que ama, fugiria para protegê-la? Bom, Nate fez sua escolha e agora deverá enfrentar os desafios para finalmente tê-la em seus braços.

A sua mesma fúria se tornou a minha logo depois que escolhi te ajudar, te salvar. Portanto, farei sua dor a minha para que não sofra sozinha, farei suas mágoas as minhas para que não chore sozinha... E, também, farei sua felicidade a minha para ter alguém que se alegre junto a ti. Seu braço direto eu serei. "Seu Porto Seguro".

O que você faria caso se apaixonasse por um suspeito em um caso de assassinato? Essa foi a pergunta que fiz quando terminei essa degustação, pois Gabriel deixou um grande suspense na última folha (no que eu li, claro kk), e isso foi o gatilho para surtar e enlouquecer para ler o resto do livro, o que eu ainda não tive esse prazer.

Amélia conhece Nathaniel de uma forma imprevisível e despretensiosa, salvando-a das mãos de um louco que tenta agarra-la a força dentro do bar, onde tudo que ela queria era apenas pedir um copo de água para espairecer a cabeça e não ser o motivo de briga. Mas parece que problemas costuma persegui-la, e querendo fugir dos seus problemas familiar, parece que ela entrou em uma enrascada maior ainda.

Sem querer ir para a casa, Amélia aceita o convite de Nathaniel em se hospedar em um hotel (como que alguem aceita um convite de um estranho assim? perai ok) e no dia seguinte iria seguir para a sua casa. Nathaniel possui uma beleza exótica, é ruivo e um tanto másculo, mas é um cavaleiro, sempre preocupado e se garante que sua intenção é apenas ajudar a moça que quase foi abusada, mas ele simplesmente não esperava essa empatia logo de inicio, onde ele se sentia a vontade ao lado dela, e até se abrindo um pouco do seu passado com ela. 

Nunca senti nada por uma garota, então o fato seria que estava fora de cogitação eu me apegar a ela depois de um minusculo tempo junto. [...]Acho que pelo motivo de nunca ter ninguém ao meu lado  desde a morte de meu pai, meus sentimentos já estavam confundindo a boa ação com algo mais intenso, algo que eu me negava sentir e muito mais cogitar.

Tudo parecia estar indo bem, de certo modo, mas para a surpresa de Amélia ela descobre que o barman, o qual tentou atacá-la antes é encontrado morto dentro do bar, julgando pela pericia, ele foi morto logo apos em que ela e Nathaniel sairam, mas ela jurava que quando saiu ele estava bem vivo, então logo se lembrou de uma breve conversa que teve, onde Nathaniel perguntou o que ela desejava ao cara que tentou abusa-la e disse: morte.

Mistérios e suspense ronda tanto a vida de Amélia como de Nathaniel, é tantos segredos que logo de cara já deu para perceber que o livro promete ser bem envolvente. E aqui fica minhas perguntas: Nate matou mesmo o barmam? Com que Nate trabalha exatamente? Qual o problema de Amélia com sua família? Afinal, se ele matou mesmo, Amélia ainda assim confiaria e ficaria junto com ele? E senhor Gabriel, obrigada por me deixar louca e ansiosa com esse enredo.

Leitura rápida e fluida, muita coisa parece acontecer de forma rápida, o que me assustou logo de inicio, mas aos poucos fui me apegando e envolvendo. Dividido entre a visão de Amélia e Nathaniel, escrito em primeira pessoa, esse é o ponto alto do livro pois dar envolvimento aos personagens e seus mistérios, o único ponto que não gostei, foi apenas o fato dos personagens se envolverem muito rápido um com outro, gostei muito da química, mas me assustei com a forma rápida em que o romance aconteceu. Quero lembrá-los que esse é apenas meu ponto de vista, esse ponto só me incomodou pelo fato pessoal, talvez a maneira que eu penso sobre se envolver em um romance com alguém, é apenas meu jeito, sorry kkk. Mas não tira o melhor do livro, pois sei que posso ser surpreendida no final, mas enquanto não chega, vou ficar aqui na ansiedade e curiosidades de saber o que vem por aí, pois esse promete viu.

Sou Seu é o novo romance de Gabriel Cordeiro que entrará em breve em pré-venda pela Editora Skull, enquanto não sai, você pode ter o gostinho do livro, os primeiros capítulos do livro estão disponível no Wattpad.

Eu estava enrascada. Pela primeira vez na minha vida eu me senti uma presa de um estratégico caçador e em outros momentos uma garota com um notável guardião superprotetor.

Sobre o autor:


19 anos. Um leitor voraz, apaixonado por mistérios desde criança. Além de ser viciado em seriados e amante do cinema. Vem da geração de Anne Rice, de Fallen e hoje, amante de André Vianco e seus vampiros. Leu muito que passou a sentir as histórias gritando por liberdade em sua mente ainda muito jovem. Assim, resolveu deixá-las tomar conta de sua vida desde então. Depois disso, não parou mais de escrever até um sonho ser realizado. Apoiador da Literatura Nacional e seus autores que estão sendo descobertos, organizador de eventos literários em bibliotecas e Campista nas horas vagas. 

Comentários via Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Veja os antigos!

© Biblioteca Lecture • Desenvolvimento com por